Blog que retrata os acontecimentos do mar e porto de Viana e arredores, nos bons e maus momentos, dos pequenos aos grandes senhores.

28
Dez 07

DOCA SECA ENG. DUARTE PACHECO

 

 

Lápide existente no lado poente da doca seca Eng. Duarte Pacheco

 

Conforme ordem de serviço n.º 43  de 20 de Setembro de 1888, transcrita no Livro de Ordens do Capitão do Porto para os Pilotos:

" Tendo o Governo de Sua Majestade por decreto de 6  de Agosto último, mandado abrir concurso, cujo prazo termina no dia 25 de Outubro próximo futuro, para a execução, por empreitada geral das seguintes obras para o melhoramento do porto e barra d'esta cidade:

1.º - Conclusão da docha e canal.

2.º - Continuação do caes do Fortim à lage do Bugio.

3.º - Conclusão do caes do campo da Feira.

4.º - Construção do caes de S. Bento.

5.º - Conclusão da parede regularizadora da margem sul.

6.º- Construção de um muro de abrigo ao sudoeste do ancoradouro.

7.º -Quebramento e extracção da rocha do fundo do rio junto ao caes exterior do canal da doca e precisando eu, como autoridade marítima d'este porto, informar S. Ex.ª o ministro da Marinha, se as sobreditas obras poderão por qualquer forma embaraçar ou difficultar a entrada e sahída  dos navios, tanto d'aquelles que demandam o ancoradouro do Cabedello, como os que se detinarem à docka d'abrigo.

O senhor Piloto-mór da barra, consultando os pilotos da corporação sob as suas ordens, informe com urgencia para esta repartição tudo o que se lhe offerecer relativamente às obras projectadas, sua utilidade e inconvenientes para a entrada e sahída de navios. O senhor Piloto-mór terá sobretudo em vista, na informação que der, os dois pontos abaixo designados:

1.º - Qual a utilidade ou inconvenientes da construção do caes do Fortim à lage do Bugio.

2.º - Se o espaço comprehendido entre a boca do canal da docka e o Bugio, poderá ser considerado como ante porto, e se os navios poderão n'aquelle espaço ancorar e esperar com segurança a entrada na docka d'abrigo.

Capitania do porto de Viana do Castello 20  de Setembro de 1888. (a) Andrade e Sousa - Capitão do Porto."

 

Metade da porta da doca seca Eng. Duarte Pacheco (lado Norte)

 

 

Mecanismo manual de abertura/fecho da porta da doca seca (lado Sul)

 

O Decreto Real de 6 de Agosto de 1888 acima transcrito, no ponto 1.º considerava a conclusão  do canal e da doca. Esta, segundo refere Mário Gonçalves Fernandes, no livro - Viana do Castelo a consolidação de uma cidade (1855-1926), [só em 1904 depois de vários contratempos provocados por projectos imprevidentes e problemas financeiros (Adolfo LOUREIRO, 1904, vol.1, pp. 104-108), terminariam as obras mais demoradas de todas as projectadas para o melhoramento do porto de Viana, com a conclusão da doca da Dízima que se havia iniciado em 1860]

Com a abertura de um novo canal pelo norte deste na década de 1940, segundo Figueiredo da GUERRA(1923, p.26), a segunda fase, que ampliou a doca da Dízima até às proximidades do Forte de S. Tiago da Barra, começou a ser projectada nos anos vinte do Sec.XX; contudo, apenas seria concluída na década de 1940(Américo COSTA, 1949,p. 359).

Depois da abertura do canal da eclusa de acesso à doca de Flutuação - assim chamada por permitir os navios flutuar em qualquer condição de maré sem assentar no fundo - nos anos quarenta do Séc. XX, o antigo canal foi transformado em doca seca com o nome de Eng. Duarte Pacheco.

 

 

A antiga entrada para a doca transformada em doca seca eng. Duarte Pacheco

 

Os Estaleiros Navais de Viana do Castelo constituídos em 1944 arrendaram à J.A.P.N. a doca seca Eng. Duarte Pacheco, tendo sido aí que iniciaram os primeiros trabalhos de reparação em 1945 aos lugres motor Rio Lima, Santa Maria Manuela, Santa Luzia e Vianense. Mais tarde, em 1957, renovaram o arrendamento pelo período de 30 anos, tendo instalado novas oficinas, sendo a primeira a marcenaria.

Esta empresa manteve em actividade a doca seca até à década de noventa do Séc. XX, altura em que a entregou de novo à Junta Autónoma que autorizou o Clube de Vela de Viana do Castelo a instalar-se nas antigas oficinas. 

 

publicado por dolphin às 17:44
tags:

Dezembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21

23
24
25
29

31


Contador
mais sobre mim
pesquisar
 
pour générerller dans votre page web.
TIME
blogs SAPO